Compras > Relatórios > Gerenciais de Compras > Relatório de Entrada de Itens

Permissões de Usuário: MB__info

1288 – Relatório de Itens – Entrada

 

Através do Relatório de Entrada de Itens é possível consultar todos os itens que tiveram entrada de nota fiscal no período selecionado.

Também poderá visualizar detalhes deste recebimento.

 

Para utilizar esse relatório, devemos seguir os seguintes passos:

1) Acesse o menu Compras > Relatórios > Gerenciais de Compras > Relatório de Entrada de Itens:


Filtros Disponíveis

  • Loja: É possível informar uma loja por vez
  • Setor de Compra: É possível filtrar todos um Setor de Compra específico
  • Período: É possível filtrar o período que deseja visualizar as entradas de itens ( limitado à 7 dias )
  • Tipo de Entrega: É possível filtrar Todos, Entregues (Itens entregues) ou Não Entregues (Itens não foram entregues com qtde total do pedido)
  • Divergência de Custo: É possível filtrar Todos, Aumentou ou Abaixou
  • Departamento: É possível filtrar Todos um Departamento específico
  • Seção: É possível filtrar Todos uma Seção específica
  • Grupo: É possível filtrar Todos um Grupo específico
  • Subgrupo: É possível filtrar Todos um Subgrupo específico
  • Buscar por: É possível filtrar Todos, Razão Social, Nome Abreviado, CPF/CNPJ, Número NF
  • Descrição: Deverá ser preenchido conforme filtro anterior
  • Insumo: É possível filtrar Todos, Sim ou Não
  • Consumo: É possível filtrar Todos, Sim ou Não

2) Após informar os filtros necessários, esse será o resultado demonstrado:

 

Na opção CONFIGURAR COLUNAS, poderá identificar:

  • As colunas padrão já selecionadas ao lado direito.
  • As colunas disponíveis para seleção e visualização ao lado esquerdo:

3) Clicando sobre o número da NF o usuário poderá visualizar a nota:


4) Clicando na descrição do produto será direcionado para a Central de Relatório:

 


5) É possível exportar a consulta em PDF ou Excel:


PDF

Excel

 

Observação: Os dados apresentados neste relatório são referente ao recebimento da nota fiscal.

 

Leave a Reply