Caminho da Funcionalidade no Sistema:

Financeiro > Contas a Pagar > Quitação Rápida

Permissões de Usuário: MB__info
324 – Contas a pagar Alterar
322 – Contas a pagar Consultar
325 – Contas a pagar Excluir
712 – Quitação Borderô
745 – Alterar AP após vencimento
764 – Dar Aceite
765 – Quitar
845 – Conferir Duplicata de Pagamento
1069 – Pagto Borderô – Dinheiro
1070 – Pagto Borderô – Cheques a Emitir
1071 – Pagto Borderô – Cheques de Terceiros
1072 – Pagto Borderô – Lançamentos Bancarios
1073 – Pagto Borderô – Debito em Conta
1166 – Manutenção de duplicata de pagamento
1487 – Retirar duplicatas já quitadas do borderô
1488 – Quitar duplicata de pagamento como bonificação/compensação
1612 – Pagamento Borderô – Cartão Corporativo
1620 – Quitação rápida de duplicata
1834 – Conta a pagar excluir abatimento
2378 – Quitação simultânea para duplicatas de operações internas
 

Caminho da Funcionalidade no Sistema:

Financeiro > Contas a Receber > Quitação Rápida

Permissões de Usuário: MB__info
406 – Contas a Receber Alterar
404 – Contas a Receber Consultar
407 – Contas a Receber Excluir
764 – Dar Aceite
1167 – Manutenção de Ars
1066 – Alterar Vencimento AR – a partir de hoje
1541 – Anistiar Duplicata de Cobrança
1542 – Estonar Anistia Duplicata de Cobrança

Quando não é utilizado o processo de EDI para quitação de uma duplicata, seja ela de pagamento ou recebimento, é necessário efetuar a quitação manualmente.

Para utilizar essa ferramenta, devemos seguir os seguintes passos:

Ao acessar uma duplicata, uma vez que ela esteja conferida (contas a pagar) ou cobrada (contas a receber) e com aceite, é possível fazer a quitação manual através do botão quitacao

Será exibida a seguinte tela:

1

  1. Loja: Loja que está fazendo a cobrança ou o pagamento da duplicata;
  2. Tipo de Cobrança: tipo de cobrança que será efetuada na duplicata, podendo ser CARTEIRA ou BANCO;
  3. Conta Bancária: conta bancária que será utilizada para receber a cobrança ou debitar o pagamento;
  4. Tipo de Borderô: tipo de borderô que será criado, podendo ser COMUM ou ELETRÔNICO;
  5. Data de Pagamento: data em que está sendo efetuado o pagamento ou cobrança da duplicata

Após preencher os campos necessários, clique no botão PROSSEGUIR. Será exibida a seguinte mensagem:

2

Essa mensagem confirma a criação do Borderô. Clique no botão SIM. Será exibida a seguinte tela:

3

Através dessa tela, é possível selecionar uma ou mais formas de pagamento que serão utilizadas para quitação da duplicata. Para adicionar, basta clicar no botão “+” ao lado de cada tipo de pagamento e informar o valor desejado.

Após preencher os pagamentos de forma que o valor pago ou recebido seja correspondente ao total da duplicata, é possível clicar no botão Prosseguir. Será exibida a seguinte mensagem:

4

A mensagem acima confirma a quitação do borderô. Clicando no botão SIM, a duplicata é quitada e são geradas automaticamente as contabilizações e movimentos bancários (ou forma de pagamento utilizada).

Após clicar em sim será exibida  a mensagem de sucesso abaixo e as opções de imprimir recibo ou sair.

Compensação de Duplicatas

Uma outra forma de quitar duplicatas é através de compensação. A compensação acontece quando são vinculadas outras duplicatas como um abatimento e o total líquido a pagar ou receber fica igual a zero.

Neste cenário, o seguinte botão é exibido:

compensar

Será exibida a seguinte tela:

confirmar

Nessa tela, é possível adicionar uma data de compensação para o caso de adiantamento de fornecedores/clientes.

Ao clicar no confirmar, será exibida a seguinte mensagem:

confirmar 2

Clicando no botão SIM, a compensação é confirmada e a duplicata é quitada.

Atenção: A contabilização pode ser diferente nesse caso dependendo do tipo de duplicata vinculada. Se a duplicata vinculada for do tipo COMPENSAÇÃO (referente a adiantamento de clientes/fornecedores), a contabilidade será feita como tal e na data selecionada para compensar. Caso a duplicata vinculada seja de outros tipos, a contabilização será feita como uma quitação de borderô comum.

 

 

Leave a Reply