Caminho da Funcionalidade no Sistema:

Estoque > Transferência Interna

Permissões de Usuário: MB__info

228 – Transferência Interna Consultar

229 – Transferência Interna Incluir

1406 – Faturar Nota Fiscal


A Transferência Interna tem como objetivo movimentar o estoque de um produto a fim de registrar a operação de insumo ou consumo do mesmo.

A opção de Consumo deve ser utilizada para o lançamento de transferência interna dos produtos que serão consumidos.

Será contabilizada caso a conta contábil do produto não seja igual a conta contábil do setor de transferência.

A opção de Insumo deve ser utilizada para o lançamento de transferência interna dos produtos que serão utilizados para compor a fabricação de outro produto.

Será contabilizado o CMV.

Centros de Distribuição (CD) que tem o parâmetro Usa Endereçamento Logístico habilitado, devem realizar o lançamento das Transferências Internas pela versão mobile.


 

Para utilizar a ferramenta, devemos seguir os seguintes passos:

1) Acessar o módulo Estoque > Transferência Interna

 


2) Agora devemos preencher os filtros loja, setor de transferência e tipos de transferência para PROSSEGUIR com a transferência:

 


Caso setor de transferência escolhido não seja do tipo Ambos em seu cadastro, o tipo de transferência escolhido deverá ser do mesmo tipo para prosseguir com o lançamento:

 

Caso contrário a seguinte validação será exibida:

 


3) Agora devemos escanear ou preencher o GTIN do produto e clicar em BUSCAR:

 


4) Após a coleta do GTIN, serão listados os endereços logísticos onde o produto informado está localizado:

 


5) Clicando sobre um dos endereços logísticos, é possível visualizar os detalhes do mesmo:

 


6) Após selecionar o endereço desejado e preencher a quantidade, devemos clicar em ADICIONAR PRODUTO:

Validações:

 


7) Após adicionar o item, é possível visualiza-lo clicando em PREVIEW DA TRANSFERÊNCIA:

 

Itens já incluídos e seus detalhes:

 


8) Para concluir o processo devemos clicar em GERAR TRANSFERÊNCIA:

 


Após alguns instantes, a transferência será gerada e uma mensagem de sucesso será exibida:


Caso o tipo transferência escolhido seja Consumo, após clicar em GERAR TRANSFERÊNCIA, uma nota fiscal de descarte seja gerada:

 


Nota Fiscal Baixa Estoque Por Perda, Roubo Ou Deterioração (São Paulo / Paraná)

O governo paulista, por meio de Decreto nº 61.720/2015 (DOE-SP 18/12), instituiu a obrigatoriedade de emissão de Nota Fiscal nos casos de perecimento, deterioração, roubo, furto, extravio, autoconsumo ou utilização em fim alheio à atividade do estabelecimento de mercadoria em estoque.

A partir de 1º de janeiro de 2016, será exigida a emissão de Nota Fiscal com o CFOP 5.927, sem destaque do ICMS, para as mercadorias adquiridas para industrialização ou comercialização que forem objeto de perecimento, deterioração, roubo, furto, extravio, autoconsumo ou utilização em fim alheio à atividade do estabelecimento.

Além de emitir a Nota Fiscal, o contribuinte deverá estornar o crédito do ICMS realizado por ocasião de entrada da mercadoria no estabelecimento, conforme dispõe o artigo 67 do RICMS/SP.

Vale ressaltar que até 31/12/2015 no Estado de São Paulo, não é permitida a emissão de Nota Fiscal para as ocorrências acima citadas.

 


9) A nota fiscal gerada pode ser visualizada na conta de notas fiscais, e será necessário envia-la a SEFAZ:


Nota Fiscal Baixa Estoque Por Perda, Roubo Ou Deterioração (Bahia / Espírito Santo)

 

Em notas fiscais originadas a partir deste módulo onde o estado da loja emitente é Bahia ou Espírito Santo, o CFOP da nota fiscal será 5.949 – Estorno de Crédito:

 

Loja da Bahia:

 

Loja do Espírito Santo:

 

Leave a Reply