Caminho da Funcionalidade no Sistema:

Estoques e NF-e > Transformações de produtos

Permissões de Usuário: MB__info

 1679 – Transformações de produtos

 

O módulo de Transformações de produtos será utilizado nos casos em que o estoque de um produto precisa ser transferido para um ou mais produtos.

Exemplo de transformação para um produto:

Um determinado item da peixaria, que é congelado e vendido por unidade (UN), por algum motivo veio a se descongelar. Este item ainda está bom para consumo, porém não pode ser congelado novamente pois acaba perdendo sua qualidade. Então a loja vende este produto a granel usando o código de um produto de balança, isto é, o item passará a ser vendido por quilo (KG). Sendo assim poderemos transferir (transformar) o estoque do produto de origem para o produto de transformação.

Exemplo de transformação para mais de um produto:

Um determinado kit de sabonetes contendo 5 fragrâncias diferentes da mesma marca, por algum motivo a embalagem foi danificada e será preciso vender individualmente. Sendo assim poderemos transferir (transformar) o estoque do produto de origem para mais de um produto de transformação.

Definição dos fatores para transformação dos produtos

No Cadastro de Produto, na aba Produtos Associados deve ser informado o Produto Transformação (Produto em qual será transformado).

Caso seja marcado o checkbox Obrigatório informar um setor operacional posteriormente na transformação de produtos será obrigatório o vinculo do setor operacional para efetuar a operação, detalhes mais abaixo.

Não será possível definir que a transformação possui operação de reclassificação e que também é automática no recebimento.

Fator de Transformação

Neste campo deve ser informado o fator (estoque) do produto que será transformado.

Exemplo:

Imagine um produto com as seguintes características KIT SHAMPOO BLUESOFT LV 3 GRATIS 1 CONDICIONADOR, neste caso os fatores da transformação são:

  • SHAMPOO BLUESOFT 350ML – Fator 3
  • CONDICIONADOR BLUESOFT 350ML – Fator 1

Isso significa que:

Ao transformar um KIT SHAMPOO BLUESOFT LV 3 GRATIS 1 CONDICIONADOR, 3 unidades alimentaram o estoque do produto SHAMPOO BLUESOFT 350ML e  1 unidade alimentará o estoque do produto CONDICIONADOR BLUESOFT 350ML.


Porcentagem Valor

Neste campo deve ser informado qual é a porcentagem valor do produto que será transformado.

A soma das porcentagens deve ser igual a 100%.

Exemplo:

Imagine um produto com as seguintes características KIT SHAMPOO BLUESOFT LV 3 GRATIS 1 CONDICIONADOR, neste caso os fatores da transformação são:

  • SHAMPOO BLUESOFT 350ML – Porcentagem 75%
  • CONDICIONADOR BLUESOFT 350ML – Porcentagem 25%

Isso significa que:

Ao transformar um KIT SHAMPOO BLUESOFT LV 3 GRATIS 1 CONDICIONADOR, 75% do valor total do movimento do produto origem será enviado ao estoque do produto SHAMPOO BLUESOFT 350ML e 25% ao estoque do produto CONDICIONADOR BLUESOFT 350ML. 


Descrição da transformação

Além dos campos Fator de Transformação e Porcentagem Valor, é possível definir uma descrição para a transformação criada.

Exemplo:

Essa descrição facilitará a identificação das transformações de um produto:


Usar setor operacional

É possível também definir que será necessário informar um setor operacional para transformação, ao marcar essa opção no menu de transformação só será possível prosseguir com a transformar após selecionar um setor operacional

Para saber mais sobre setores operacionais, clique aqui.


Transformação automática no recebimento

A Transformação Automática no Recebimento de Mercadorias, tem como objetivo automatizar a operação de transformação de produtos, dispensando assim a necessidade dos lançamentos manuais.

Ao confirmar uma nota fiscal do tipo Recebimento de Mercadorias que possua um produto configurado corretamente, o ERP realizará automaticamente a saída do produto origem de acordo com as configurações da transformação, e entrada no produto (s) destino.


Caso a transformação esteja configurada com o uso de setor operacional, devemos informar qual setor deve ser usado na transformação automática:


Caso o produto possua mais de uma transformação cadastrada, somente uma delas poderá ter a opção Transformação automática no recebimento configurada:


Transformações de produtos na prática

Para utilizar essa ferramenta, devemos seguir os seguintes passos:

1) Acessar o menu de Estoques e NF-e > Transformações de produtos

incluirTransformacao2


2) Para incluir uma nova transformação devemos clicar sobre o botão INCLUIR:


3) Para iniciar o processo de transformação devemos escolher a loja que movimentará o produto, a origem da transformação, que poderá ser o estoque de venda ou de trocas, a forma da transformação, que poderá ser comum ou reclassificação  e o produto origem através do botão busca ou digitando a descrição do produto no campo:

O formato de transformação “Reclassificação” somente poderá ser usado se a loja estiver parametrizada que possui operação de reclassificação. Neste formato somente as transformações cadastradas no produto que estejam parametrizadas para usar reclassificação é que vão aparecer para fazer o lançamento. Ao encerrar o lançamento com este formato, o sistema vai gerar duas notas de reclassificação de produtos, uma de saída, para o produto origem da transformação, e outra de entrada, para os produtos destino da transformação.

Loja que não tem operação de reclassificação deverá selecionar o formato “Comum”. Quando esta opção for selecionada todas as transformações cadastradas no produto origem vão aparecer para o lançamento.


4) Após selecionar o produto origem será exibido os produtos destinos e seus fatores de transformação.

Campos exibidos:

  • Produto de origem
  • Quantidade
  • Setor operacional
  • Produto(s) de destino
  • Fator Transformação
  • Quantidade a ser transformada

Observação:

O campo Setor operacional é exibido com a informação “Selecione um setor operacional” pré-selecionada, além disso, só será exibido este campo quando na inclusão de produtos para transformação (produtos associados no cadastro de produtos) a flag Usar setor operacional estiver marcada, caso a mesma estiver marcada além do campo ser exibido a seleção de um setor operacional será obrigatório para transformação.


5) De acordo com a quantidade preenchida no produto origem, teremos um preview de quanto será transformado no produto(s) destino:

A transformação com setores operacionais possui duas validações, sendo elas:

Ao tentar transformar colocando quantidades mas não selecionando um setor operacional a mensagem é exibida na tela:

“Escolha um setor operacional”

E, ao não colocar quantidades mas selecionar um setor operacional a mensagem exibida é:

“Há transformação com setor operacional selecionado sem a informação de quantidade maior que zero. Favor informar uma quantidade ou retirar a seleção do setor operacional.”


6) Para completar a operação devemos clicar sobre o botão TRANSFORMAR.


Busca de produtos transformados

É possível consultar o produtos transformados através do botão BUSCAR:


Ao consultar os lançamentos realizados, é possível observar o status da transformação, onde:

Transformação não estornada – É apresentado o ícone para realizar estorno .

Transformação estornada – É apresentado o ícone de estorno .

Transformação automática não estornada – É apresentado o ícone de acesso à nota fiscal vinculada .

Transformação automática estornada – São apresentados os ícones de acesso à nota fiscal vinculada e de estorno .


Transformação de Produto por Local de Estoque

Quando a loja parametrizada para realizar o controle de armazenagem de seus produtos por locais de estoque é possível selecionar de qual local de estoque será utilizado para realizar a transformação do produto. No exemplo abaixo possuímos o produto em dois locais de estoque. Duvidas sobre como configurar locais de estoque clique aqui.

Selecione a loja, a origem da transformação e o local de estoque.

Com a janela aberta de pesquisa de produtos informe o item desejado e clique em buscar, é retornando o produto exibindo o saldo do estoque. Conforme imagem abaixo consta o mesmo saldo de estoque do local selecionando anteriormente na central de relatório do produto. Adicione o item selecionado e clique em confirmar seleção. 

O item é adicionando informar a quantidade a ser transformada e clique sobre o botão transformar.

Com a transformação realizada o estoque é debitado do local de estoque no qual foi selecionado.

No produto transformado é adicionado o estoque no local de estoque no qual foi selecionado.

Porcentagem Valor na prática

Vamos entender como funciona a porcentagem valor analisando o exemplo de lançamento acima mencionado.

Imagine que no momento da transformação o KIT SHAMPOO BLUESOFT LV 3 GRATIS 1 CONDICIONADOR está com o custo de R$ 12,99

custoTransformacao

Conforme explicado anteriormente segundo os valores preenchidos na coluna porcentagem valor da transformação, ao transformar um KIT SHAMPOO BLUESOFT LV 3 GRATIS 1 CONDICIONADOR:

  • 75% do valor total do movimento do produto origem será enviado ao estoque do produto SHAMPOO BLUESOFT 350ML
  • 25% ao estoque do produto CONDICIONADOR BLUESOFT 350ML

Como calcular o valor do movimento?

Para chegar ao valor do movimento devemos fazer o seguinte cálculo:

Custo (produto origem) x Quantidade Transformada

No nosso exemplo o valor do movimento é R$ 1.299 (12,99 x 100)

Com isso conseguimos chegar o valor que será enviado ao produto destino:

  • SHAMPOO BLUESOFT 350ML – R$ 1.299 x 75% = R$ 974,25
  • CONDICIONADOR BLUESOFT 350ML -R$ 1.299 x 25% = R$ 324,75

Como será os calculado os custos do produto destino?

Para chegar ao valores do custo devemos fazer o seguinte cálculo:

Valor do movimento / Quantidade Transformada (produto destino)

No nosso exemplo teremos:

  • SHAMPOO BLUESOFT 350ML –  R$ 974,25 / 300 = R$ 3,2475

shampooAfter

  • CONDICIONADOR BLUESOFT 350ML – R$ 324,75 / 100 = R$ 3,2475

condicionadorAfter


Transformação de produtos com saldo em estoque

Os cálculos acima levam em conta produtos que não possuíam saldo em estoque anterior.

Para chegar aos novos custos após a transformação, em produtos que possuem saldo em estoque devemos considerar esse fator no cálculo.

Para chegar ao valores do custo devemos fazer o seguinte cálculo:

Valor Estoque Atual = Custo (produto destino) x Quantidade Atual

(Valor Estoque Atual + Valor do movimento) / (Quantidade Atual  + Quantidade Transformada (produto destino))


Contabilização da Transformação

Toda transformação realiza uma contabilização do movimento de estoque realizado. A contabilização é realizada mesmo que as contas contábeis em débito e crédito sejam as mesmas.

A contabilização será no valor contábil dos movimentos onde:

  • Será creditada a conta contábil referente o mapa contábil do tipo do produto de origem (principal destino no seu cadastro) ou o mapa contábil do estoque de troca, caso a transformação seja a partir do estoque de troca.
  • Será debitada a conta contábil referente o mapa contábil do tipo do produto destino.

Exemplo de contabilização, transformando um produto do tipo acabado para: Produto para venda, embalagem e matéria-prima

Em caso de estorno a contabilização será reversa

Estorno da operação de transformação gerada acima

Consulta de contabilização pela busca de produtos transformados 

Pelo menu de transformação do produto podemos também consultar a contabilização realizada em um determinado movimento, no exemplo abaixo usamos a mesma transformação e estorno como nos exemplos citados acima:

One Response to “Transformações de Produtos”

  1. Ordem de Produção - Central de Ajuda da BluesoftCentral de Ajuda da Bluesoft

    […] : Acessando esta opção, o usuário poderá utilizar a transformação de produtos do sistema. Para saber mais sobre Transformação de Produtos, clique aqui. […]

    Responder

Leave a Reply